O Movimento

O Centro de Acolhida Especial para Travestis e Mulheres Transexuais Casa Florescer

Acolhida: 30 mulheres travestis e transexuais em situação de vulnerabilidade social.

Objetivo: promover a representatividade dessa população, através de uma articulação de rede envolvendo saúde, educação, cultura, esportes, assistência social, trabalho e moradia. Funcionamento : 24 horas,

Espaço físico: é composto por 4 dormitórios sendo um deles para PCD com autonomia, refeitório, área de convivência, cozinha, sala de atendimento social, sala atendimento psicológico, lavanderia , bagageiro e sanitários.

Trabalho interdisciplinar: As pessoas vinculadas recebem um atendimento qualificado por meio de uma equipe multidisciplinar composta por gerente, psicólogo, assistente social, orientadores .agentes operacionais e cozinheiros.

Metodologia: trabalho de escuta das necessidades, onde são criadas estratégias de desenvolvimento do trabalho para elevação de autoestima, saúde, autonomia

Atividades: atendimento de saúde, oficinas artísticas, culturais, beleza, corporativas.

O trabalho vem sendo construído no sentido de informar estas cidadãs dos seus direitos e garanti-los em diálogo com a rede, os serviços e equipamentos que dialogam com as políticas LGBTQIA+ do município , estado de São Paulo. Garantindo o acesso a serviços públicos com humanidade, qualidade e respeitos às especificidades individuais.

Missão: Apoiar mulheres trans e travestis em situação de vulnerabilidade, garantindo direitos básicos como saúde, educação, moradia, alimentação e documentação.

Visão: Ser referencia no combate a transfobia, articulação de rede dando maior visibilidade a causa e ser reconhecida pelo trabalho de acompanhamento que oferece.

Valores: Ética, Transparência Respeito à vida e Inovação.

----------------------------
Casa Florescer's Special Reception Center for Transvestites and Transsexual Women

Welcomed: 30 transvestite and transsexual women in a situation of social vulnerability.

Objective: to promote the representativeness of this population, through a network articulation involving health, education, culture, sports, social assistance, work and housing. Operation: 24 hours,

Physical space: it consists of 4 bedrooms, one of them for PCD with autonomy, cafeteria, living area, kitchen, social service room, psychological service room, laundry, luggage and toilets.

Interdisciplinary work: Related people receive qualified service through a multidisciplinary team composed of a manager, psychologist, social worker, advisors. Operational agents and cooks.

Methodology: listening to needs, where work development strategies are created to raise self-esteem, health, autonomy

Activities: health care, artistic, cultural, beauty, corporate workshops.

The work is being built in order to inform these citizens of their rights and guarantee them in dialogue with the network, services and equipment that dialogue with the LGBTQIA + policies of the municipality, state of São Paulo. Ensuring access to public services with humanity, quality and respect for individual specificities.

Mission: Supporting transgender and transvestite women in vulnerable situations, guaranteeing basic rights such as health, education, housing, food and documentation.

Vision: To be a reference in the fight against transphobia, network articulation giving greater visibility to the cause and to be recognized for the follow-up work it offers.

Values: Ethics, Transparency Respect for life and Innovation.

Redes Sociais
Video
mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar uma avaliação
    error: Conteúdo Protegido